quarta-feira, 7 de março de 2012

Número Vinte e Cinco e Vinte e Seis

Alguns dias na vida a gente tem sorte, hoje foi um deles. Hoje tive folga do trabalho, cheguei em casa depois de uma prova na faculdade às 10hs. Pouco depois disso entrei no bate-papo e marquei um blind date. Não gosto muito da idéia, mas em algum lugar do meu ser isto me dá muito tesão.

Ás 14hs eu estava no shopping, no lugar combinado para o encontro. Vi um cara bem normal  conversando com um super gato e já tive idéia que o normal é o que eu me encontraria. Ele logo chegou e foi falar comigo. Fomos pro carro para ir pra algum lugar. Por sorte o carro estava um pouco longe e quando cheguei na esquina o cara gato que eu vi conversando com o que eu estava estava passando e olhou.

Eu perguntei pro blind date se ele conhecia o gato, ele disse que tinha conversado com ele no shopping e talvez nesta hora já me disse que ele tinha ido a um banheiro com o gato. Mas eles não fizeram nada porque não deu certo. Não pensei duas vezes, eu parei o carro, o gato parou na rua e até tentei dar uma ré para chegar nele, veio outro carro e me impediu. Parei ao lado e o gato veio até o carro, perguntou pra onde iriamos eu disse que ainda não sabia, mas ele perguntou se podia entrar, respondi na hora um belo e super feliz SIM!

Não demorei mais nada e falei, então, vamos ao motel, certo? Até porque nesta hora eu já não tinha dúvidas, era pro motel mesmo que eu queria ir. Fomos conversando e nos conhecendo um pouco, entramos e beijei o gato, sinceramente o blind date era o outro, mas momento nenhum me importei em deixar claro que eu queria mesmo era o gato.

O gato é personal trainer, careca, peludo, com uma super cara de safado, 45 anos, educado, gente boa, casado, tem uma bela rola, enfim, ele é tudo que eu queria. Já o blind date tem 30 anos, com cara de mais novo, gordinho, sem graça, tímido,  meio calado, casado e sinceramente não tinha o melhor cheiro do mundo.

O gato já tirou a camiseta e foi pra cama, eu o segui, abaixei sua bermuda e comecei a chupar seu pau. Depois o blind date foi pra cama também, tentei dar alguma abertura para ele também, chupei ele um pouco, o beijei, mas a maior parte da minha atenção estava voltada para o gato.

Ficamos pelo menos uma hora nos revesando, brincando, chupando um ao outro e nos beijando. Uma determinada hora o blind date foi para a e eu fiquei sozinho na cama com o gato, dai nos pegamos ainda com mais vontade e sem culpa, sem ter de dar espaço pra ninguém. Logo ele sentou em mim e só consegui pensar a merda, eu que teria de comer ele, mas nem me importei, faria sem problemas. Mas daí ele me virou e brincou um pouco com minha bunda. Nesta hora o blind date voltou pra cama e acabou cortando o clima. Os três ficamos deitados as vezes chupando, as vezes passando a perna no outro, enfim, nos tocando um pouco.

Ficamos um bom tempo neste esquema, chupavamos, deitavamos e nos tocavamos e por aí vai, eu estava com muito calor e minha garganta estava doendo depois de chupar o pau do personal até o talo e fui pegar uma água. Bebi um pouco, ofereci e nesta hora não sei o que deu em mim, mas coloquei o gato deitado, sentei em cima dele e sentei, brincando para deixar o pau dele duro e o blind date estava lá do lado, queto.

O pau do gato ficou duro e perguntou da camisinha pra ele me comer, eu perguntei se ele já queria e já fui pegar camisinhas. Chupei o gato mais uns segundos, entreguei a camisinha pra ele e abri o creme para passar. Ele perguntou se eu queria daquele jeito mesmo, eu disse que preferia de frango e já fomos para a posição. Ele começou a meter em mim e foi muito bom, logo gozamos e o blind date ficou lá do lado olhando tudo e sem dizer nada e sem nenhuma participação, bobinho...

Depois disso fomos para a sauna, para a hidro e eu nem tive tesão para fuder o blind date, chupei o gato que ficou de pau duro e falei, vai lá, fode ele, antes de ir, com o blind já deitado o gato falou que queria mesmo era me fuder de novo, eu disse que não aguentava (e claro, acho que seria sacanagem o blind só chupar dedo). Eles foram, o blind nunca tinha dado e por sorte ficou enrolando, o gato ficou brincando com o pau na portinha do cu dele e eu batendo uma punheta pra ele. Antes mesmo de entrar ele já gozou.

Depois disso fomos embora porque todos tinhamos compromisso. Antes tivemos de dar um pequeno show na entrada do motel para aliviar a conta, já que a sauna que todos queriamos não funcionou mais que cinco minutos. Quando finalmente conseguimos o desconto (que foi na verdade a entrada do terceiro) saimos do motel. Fui deixar os dois onde eles ficariam, querendo deixar o blind primeiro para ver se rolava de combinar mais alguma coisa com o gato, mas não deu certo.

Deixei o gato, que antes de sair me entregou seu cartão e depois fui deixar o blind. Fiquei feliz com uma coisa que ele me contou. Ele me falou que o cara estava muito mais a fim de mim, já que ele tinha dado uma desculpa para ir embora e no final, quando me viu e passamos ele acabou parando e indo até a gente pra ir pro motel com a gente. Fiquei super feliz de fazer um homem daquele ter vontade de sair comigo, claro, estas coisas de ego, vocês todos sabem como é.

Agora só algumas últimas coisas para finalisar em grande falta de estilo. Estou me sentindo menstruado gente, sangrou tanto quando fui ao banheiro, isto é normal? Acho que não né, o pau do gato nem era enorme ou super grosso. Personal trainers são tipo super heróis do sexo, como estes caras sabem transar.

E por último a nota de cada um deles. O blind vai levar 2, só pra não zerar ele. O gato vai levar 10, só pelos pelos no corpo e careca com cara de safado eu já daria uns 8, mas ainda transou super bem, valou né?


11 comentários:

  1. Eu tô super quente com teu relato e imaginando esse super gato com vc.
    Mas fiquei com dó do rapaz q sobrou.
    Rs.

    Sou bonzinho?

    Um bjo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu achei. O negócio é ter todas as atenções!

      Excluir
  2. Ah, fiquei com dó do blind... Fernanda Young uma vez disse que não aprticipava de suruba pk n era generosa, pk suruba é coisa pra gente generosa... Tah ai seui relato que não há deixa mentir...

    Qto ao sangramento... Bem... Fica de olho, né??? De repente é bom consultar um médico!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gato, é o seguinte, qndo estamos em dois não precisamos ganhar a atenção, já temos toda, agora quando estamos em três o negócio e atacar sem pudor e ser o melhor, é o que eu tento, se o blind bobinho não faz não vou parar pra ensinar o coitado né.

      Não sei se suruba é coisa pra gente generosa não, eu não sou muito não, tanto que tive meu prazer e depois não quis mais saber do blind, ele não gozou, não entrou na festa na hora certa problema dele.

      Excluir
  3. ah, precisa consultar médico coisa nenhuma gente
    olha o exagero
    tá sangrando pq machucou
    as vezes a pessoa vai com mta sede ao pote ora
    te machucou, sangrou
    agora vc tem q ficar "de molho" uns dias, deixa essa bunda quietinha por enquanto, até sarar. nada demais. se, no entanto, daqui a uma semana ainda tiver sangramento ai sim vc vai no médico.
    sangramento sem esse sexo todo sim seria preocupante
    mas neste caso é super normal

    ResponderExcluir
  4. É... tem que dar o sangue... hehehe!
    A gente se pega pensando em que notas vc distribuiria para los hombres de Blogsville... hehehehehe!
    Bjz, querido!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na cama eu não sei, mas aqui dou 10 pra todos!!!

      Excluir
  5. Hahahaha! Agradecido pelo meu 1o! E bipolar, vc???? Não me diga! Hahahahahaha! Bjz, querido!

    ResponderExcluir
  6. em sexo eu sou mto bom hahha,, se eu começar a falar aqui eu nao paro kkkk

    Pode me ajudar com um voto seu? *__* é so curtir minha inscrição neste link > http://migre.me/8efEK ,já estou entre os finalistas e seu voto é muito importante para mim (Se puder compartilhe) Desde já muito Obrigado pela gentileza e atençao! *__* (@AleBoyzinho)

    http://coisinhasdemenino.blogspot.com.br/

    abraxxx

    ResponderExcluir
  7. Pra mim, suruba é coisa pra gente gulosa, que vai pra aproveitar não só de um... Huahuahauhaua

    Ah, eu nem me acho tão mau assim, mas não tive nenhuma dó do blind... Mandou bem vc! hehehehe

    Abraços!!

    ResponderExcluir